Blog do Daka

Um espaço para compartilhar informações e estimular a reflexão.

Inpe inicia testes do novo supercomputador para análise do clima

Deixe um comentário

Começam nesta terça-feira (28) os testes do supercomputador Tupã, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Mesmo antes de entrar em funcionamento, o Tupã já foi listado entre os supercomputadores mais poderosos do mundo. O equipamento está instalado em Cachoeira Paulista (SP), onde funciona o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec).

Tupã

O supercomputador é um modelo XT6 da Cray, capaz de realizar 258 trilhões de cálculos por segundo, o que coloca o Tupã também entre os mais poderosos supercomputadores do mundo para previsão de tempo e estudos sobre as mudanças climáticas.

Com isso, os pesquisadores esperam que a previsão do tempo e os estudos climáticos ganhem ainda mais agilidade e precisão. Tupã, na tradição tupi, representa o trovão, que os indígenas acreditavam ser a manifestação de um deus. O supercomputador Tupã entrará em plena operação no início de 2011 e permitirá ao INPE gerar previsões de tempo mais confiáveis, com maior prazo de antecedência e de melhor qualidade, ampliando o nível de detalhamento para 5 km na América do Sul e 20 km para todo o globo.

Será possível prever ainda eventos extremos com boa confiabilidade, como chuvas intensas, secas, geadas, ondas de calor, entre outros. As previsões ambientais e de qualidade do ar também serão beneficiadas, gerando prognósticos de maior resolução, de 15 quilômetros, com até seis dias de antecedência.

Modelo brasileiro do clima global

A nova máquina também será fundamental para o desenvolvimento e implementação do Modelo Brasileiro do Sistema Climático Global, que incorporará todos os elementos do Sistema Terrestre (atmosfera, oceanos, criosfera, vegetação, ciclos biogeoquímicos, etc), suas interações e como este sistema está sendo perturbado por ações antropogênicas (por exemplo, emissões de gases de efeito estufa, mudanças na vegetação, urbanização, etc.).

Este esforço envolve um grande número de pesquisadores do Brasil e do exterior, provenientes de diversas instituições, o que se constitui num projeto interdisciplinar de desenvolvimento de modelagem climática sem precedentes entre países em desenvolvimento.

Anúncios

Autor: Dakir Larara

Geógrafo, Professor universitário e pai das lindas Dandara e Anahí.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s